quinta-feira, 28 de maio de 2009

NUVEM PASSAGEIRA?!



Eh pá, às vezes basta uma música assim para nos devolver à idade da inocência e ter vontade de defecar em todo quanto seja sanfona, pandilha ou bisbórria!

Eu sou nuvem passageira
Que com o vento se vai
Eu sou como um cristal bonito
Que se quebra quando cai

Não adianta escrever meu nome numa pedra
Pois essa pedra em pó vai se transformar
Você não vê que a vida corre contra o tempo
Sou um castelo de areia na beira do mar

A lua cheia convida para um longo beijo
Mas o relógio te cobra o dia de amanhã
Estou sozinho, perdido e louco no meu leito
E a namorada analisada por sobre o divã

Por isso agora o que eu quero é dançar na chuva
Não quero nem saber de me fazer ou me matar
Eu vou deixar em dia a vida e a minha energia
Sou um castelo de areia na beira do mar.

15 comentários:

privada disse...

hum bem ke me parecia... dava uma vez mais, tudo por tudo, a menos k alguem me desse mais, hoje vou ate ao fim!!!!!!

Dança Blimunda dança, canta, hummmm

Mofina Mendes disse...

Não acredito, ainda há quem se lembre desta música d'O Casarão! Não sou a única pre-histórica...

Mofina Mendes disse...

ke susto, privada!

Blimunda disse...

Privada, eu digo:

Eu também quero ir, eu também quero ir, eu também quero ir...

e tu respondes:

Vou levar-te comigo,vou levar-te comigo, vou levar-te comigo meu irmão, Vou levar-te comigo ...

Blimunda disse...

E a Maria Rita, Maria Rita ter amigos é fortuna?? Hehehe!!! Eu dizia, segundo contam, Malia Lita, Malia Lita!!!

Privada, o bacoco disse...

Eh pá acho k já me lembro, não tava a ver, nuvem, nuvem poassageiraaaa , sim acho k me lembro, nao da é para abrir aqui o video se nao confirmava se me lembro de certeza, mas julgo k sim

Privada, o bacoco disse...

A Maria Rita era do Marco Paulo, Maria Ritaaaaa na na na , Maria Rita, essa lembro-me bem

Blimunda disse...

Hummmm, acho que estás a aldrabar, pá! Onde é que estavas quando deu O Casarão? E do Atilio, lembras-te? Qual era a panca do homem? Anda, responde vá.

Blimunda disse...

Tás tolo, nera nada! Era do Duo Ouro Negro... hehehehe

Blimunda disse...

Olha, e do Tony Almeida? Que me dizes tu do Tony Almeida? Ou do Carlos Bernard, se preferires.

privada disse...

como diria o O. Costa, se fosse inteligente, para eu não me lembrar , é sinal que voce está confudido.

Sinceramente Casarão se o vi, não me lembro, duvido até que exista, se existisse eu tinha visto

Lembro-me de facto de uma nuvem passageira feiticeira, tbm me lembro dos ouros negro, e dos trio de mira, do Dias Loureiro, agora Atilio , Tony Almeida , não me lembro.

Eu só dizia - Está a dar , Veja-se! Era o que eu fazia. Era isto.

Blimunda disse...

Pois, demagogia meu caro, muita demagogia é o que Vexa tem!Saiba Vexa que esses catraios que nomeou não passam de meros e insignificantes discípulos de Atilio - o homem que queria a todo o custo transformar merda em ouro. Só que os discípulos suplantaram o mestre e conseguiram, feito que este não vira realizar-se, o grande milagre de Midas.

mac disse...

hã?

privada disse...

xi nada, provavelmente só sujeitando-me a um hipnotismo

jg disse...

Se conhecesses o puto perceberias que ele não tem idade para Casarões.
Sorte a dele!!!