segunda-feira, 9 de março de 2009

HOJE É O MEU DIA!

-Passei só para dar um beijinho e para ver se está tudo bem. Disse ela com um brilhozinho nos olhos.
- Está tudo bem, obrigada. Mas contigo parece estar ainda melhor! Disse-lhe eu ao constatar o olhar meloso que ele lhe deitava ao decote. A mama nua espreitava apelativa pela abertura provocante da blusa.
- Vou indo que tenho um jantar só de mulheres mais logo no “Altos Voos”. Queres vir?
- Claro que sim, então não quero! Vai indo que vou já lá ter assim que despachar uns afazeres. Disse-lhe eu em tom irónico.
E lá foi ela, vestida de mulher, festejar o dia da mulher, feliz e segura por ser mulher, fazendo valer a sua independente feminilidade e não se importando por o não ter sido nos restantes 364 dias do ano.

Cambada de seres desprovidos de inteligência! Será possível que estas mulheres que ontem encheram restaurantes, bares, pub’s e todo o género de locais habitualmente frequentados pelos seus homens, envergonhando com os seus excessos e despudorados comportamentos aquelas que não precisam de exposições públicas para garantir a sua liberdade, sentir-se-ão efectivamente vingadas dos 364 dias e noites de submissão, subserviência, negação e dependência? Acharão elas, por ventura, que os homens as viram de forma diferente? Tristes saloias! Corja de ineptas que não vêm que neste dia não são mais do que o mesmo corpo com mamas e vagina, apenas mais visível e atingível com menos esforço, que são nos restantes dias.

Alegrai-vos ó afortunadas criaturas, pois hoje é o vosso dia! Amanhã será apenas mais um dia que não é vosso!

13 comentários:

Mofina Mendes disse...

Caramba, achas mesmo que devia ter ido ao CASA DA SOGRA?... Foi tão divertido, até fizemos comboiozinho com o Apita o Comboio!

Blimunda disse...

Que devias ou que não não devias?

Mofina Mendes disse...

ou isso...

Blimunda disse...

Se eram só mulheres e se se limitaram ao comboio não devem ter ido longe por falta de manetes de mudanças. A não ser que se tenham provido em terra!

Álvaro disse...

Até há sítios onde aparecem homens que se põe em cuecas.

Lá no recreativo as senhoras ao menos fizeram uma coisa útil, um belo almoço de cozido e não partiram nada

Tá bem Bli prontos eu vou catar macacos

mac disse...

Blimunda, mas que raio?... Porquê essa zanga? Então não é melhor ter um dia que não ter dia nenhum?!?

E além do mais, desde quando é que ser um ser desprovido de inteligência é privilégio de macho?!?

privada disse...

Oh pá Blimunda ia dizer te não sei que, mas depois do apita o comboio, vergo me ele de facto não entendo estas paranoias dos altos voos e dos arrasta os pés

Blimunda disse...

Álvaro Ok! Já percebi que é um mero espectador. MACHO! Os melhores cozinheiros são homens?!!! E além de saber cozinhar será que sabem fazer mais alguma coisa, além de f*** o juízo às mulheres? Faz ideia da quantidade de coisas que as mulheres têm que saber fazer por dia?

Blimunda disse...

Mac, se eu não tivesse a liberdade de ser MULHER durante 364 dias e me dessem oportunidade de o ser durante um só dia, garanto-lhe que me fechava a 7 chaves dentro do quarto nesse dia. Só por vingança!

Blimunda disse...

Privada meu amor, afinal o que é que não está perceptível? Expõe as tuas dúvidas que eu explico com prazer.

Capitão Merda disse...

Assim mesmo é que se fala!

Tem o meu voto!

;)

inespimentel disse...

Prefiro não assistir, causa-me assim um desconforto... mas acredito que para certas mulheres é mesmo o dia de se libertarem alarvemente dos sapos e pisadelas do ano inteiro... não me dá raiva mas uma enorme pena... mas não me levem a vê-las, senão a pena voa e o desprezo pode instalar-se!

Blimunda disse...

Obrigada pelo voto, meu capitão!

Ines, apraz-me saber que, afinal, não sou eu que ando com o passo errado. Há mais que marcham com o mesmo passo.